• LuizALCarvalho

José Mota (2009) - PLE: contributos para uma discussão do conceito (bibliografia anotada)

Atualizado: Abr 24

Mota, J. C. (2009). Personal Learning Environments: Contributos para uma discussão do conceito. http://eft.educom.pt/index.php/eft/article/view/105/66 [28/05/2020]


O autor inicia seu artigo por explicar as origens e fundamentos do que chamamos de Ambiente Pessoal de Aprendizagem, do original Personal Learning Environment (PLE), partindo da idéia de que os PLE representam a convergência de aspetos de mudanças sociais provocadas pela web 2.0 que assim operacionalizam o e-Learning 2.0, com poder para o aprendente na aprendizagem informal e permanente ao longo da vida, utilizando as potencialidades da rede e do software social. Caracteriza o ponto de inflexão quando o ensino tradicional baseado no uso dos LMS e VLE, baseados na escassez de conhecimento, deixa de atender e começam a surgir os PLE. Pontua os 3 domínios da web 2.0 (conteúdo, comunicação, agentes de alerta) para potencializar o “YOU” da personalidade do ano da Revista Times de 2006. Aborda o socioconstrutivismo e o construcionismo. Apresenta definições de PLE e características desejáveis de um PLE de vários autores. Expõe e comenta o debate e as posições de vários autores sobre PLE e VLE/VLS: coexistência, integração ou não, partilhamento de uma rede sobreposta, entre outras. Apresenta o Projeto CETIS da Universidade de Bolton, o framework de Milligan et al para construção de um PLE e experiência da Universidade de Manchester, a proposta de Mohamed Chatti, a abordagem de Stephen Downes.

É um artigo de fácil leitura, bastante comentado e com uma grande quantidade de referências muito relevantes.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo